Boleto bancário: o que é e como funciona a emissão?

 

O boleto bancário é a forma de pagamento preferida dos brasileiros.


Segundo o IBGE, 55 milhões de brasileiros são desbancarizados, ou seja, não possuem conta em bancos, o que representa quase 40% da população do país com mais de 18 anos.


Essa realidade também não fica muito distante para as empresas brasileiras: em 2015, o SEBRAE apontou que 30% das micro e pequenas empresas não possuíam conta bancária, o que nos ajuda a entender porque o boleto bancário se tornou uma solução de pagamento tão popular entre os consumidores e empresas.  
.

.

Diversos lojistas, desde e-commerces até marketplaces, optam por essa solução para receber pagamentos de seus clientes, por ser mais prática e segura, além de bastante efetiva no combate à inadimplência.
.


Não é à toa que diariamente vemos muitas piadas e memes sobre pagar boletos e etc. Hoje, cerca de 4 bilhões de boletos são compensados anualmente no Brasil. Mas o que de fato é um boleto bancário e como funciona sua emissão?

 

 

Boleto bancário: o que é?

 

 

De forma bem objetiva, o boleto bancário é um meio de pagamento que permite a qualquer estabelecimento conveniado, cobrar um valor até uma data predefinida. Ele pode ser emitido nos formatos avulso, carnê ou em lote e, mais recentemente, passou a ser pago em qualquer banco, mesmo após vencido.

.
Atualmente, graças ao avanço da tecnologia, o pagamento de boletos pode ser feito em caixas eletrônicos ou ainda através da Internet, seja por meio da Web ou aplicativo.
.

Os benefícios para quem utiliza o boleto bancário são inúmeros, sem contar que as taxas cobradas por bancos para suas transações, são bem menores que as de cartão.
.


O lojista que cobra através de boletos, pode optar ainda por fugir da burocracia bancária e não negociar taxas diretamente com o banco, muito menos precisar criar uma conta em um banco específico, podendo receber o dinheiro na conta que preferir, com apenas 2 dias.
.

 


Boleto Paggcerto

.
.
Boleto
registrado vs Boleto
sem registro
.

Neste artigo, nós explicamos algumas diferenças entre o boleto registrado e o boleto sem registro, mas a principal delas é que, obviamente, um é registrado junto ao banco e o outro não, o que na prática traz mais segurança para todas as transações da sua empresa, e combate fraudes e cobranças indevidas, que são bem mais comuns com o uso dos boletos sem registro.

 

 

O que há em cada campo do boleto?

.


Como todo documento, existem campos obrigatórios e outros que também podem ser personalizáveis no boleto bancário.
.


O boleto registrado, padronizado pela FEBRABAN, a Federação Brasileira dos Bancos, divide-se em duas partes: o recibo do pagador e a ficha de compensação.
.

.
Para facilitar a identificação de cada elemento, preparamos uma listinha dos dados mais básicos. São eles:
.



– Indicação do banco (que recebe o pagamento);
– Cedente/Beneficiário (quem emite a cobrança);
– Titular da cobrança/Pagador (quem efetua o pagamento);
– Valor a ser pago (o que deve ser quitado);
– Data de vencimento (limite para pagamento do produto/serviço);
– Instruções (campo de indicações sobre o pagamento);
– Código de barras (para captação automática).

 

 

Como funciona a emissão do boleto?

 

Basicamente, a emissão do boleto bancário é feita pela pessoa física ou jurídica através de um software de gestão, ou de uma empresa terceirizada. Funciona assim: o beneficiário emite o boleto registrado e o envia para o pagador, ou seja, o titular da cobrança, no endereço (físico ou de e-mail) fornecido via cadastro.


O tempo médio para que se efetue o pagamento é de até cinco dias úteis antes do vencimento. Assim que o banco recebe o pagamento, o dinheiro é creditado na conta do beneficiário (pessoa física ou jurídica), num período estabelecido mediante contrato e debitando as devidas taxas pelo serviço.


Com a Paggcerto, a primeira empresa do Nordeste fora de Recife a receber investimento do Criatec 2, você, microempreendedor ou pequena empresa, gerencia boletos bancários com mais facilidade e sem burocracia. As taxas são completamente adaptáveis ao tamanho do seu negócio!


Quer começar a emitir boletos bancários para cobrar os seus clientes? Ainda possui alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe o nosso conteúdo e nos ajude a entender melhor o seu objetivo.

 

.

.

Quer receber as melhores dicas sobre Soluções de Pagamento?